Auxílio recebido indevidamente poderá ser devolvido em até 60 parcelas