Cemig alerta que furtar energia é crime previsto em lei