○ Consumidor não pode ser cobrado após prescrição de dívida, explica coordenador do PROCON