○ Delegado alerta para a banalização de crimes violentos