○ É preciso voltar a viver o sentido espiritual do Natal, afirma padre Mauro Ricardo