○ Governo não diminui efetivamente seus gastos; População paga a conta da crise