Sistema que alerta consumidores sobre custo de energia só começa a valer em 2015